As palavras dela

| quarta-feira, 6 de outubro de 2010 | |
As palavras dela tiraram você de mim
De uma maneira tão violenta que eu não sinto nada agora
Mas mesmo assim eu espero que as estrelas te protejam
E sei que elas irão te proteger
Porque elas sabem que estou procurando o céu onde sua luz brilhava

Depois daquelas palavras, você me provou que não se lembra de mim
E eu não sei o que sinto
Eu sei apenas que voltei para dentro de mim
E já era sábado, um longo sábado
E eu não sei o que sinto

Eu acordei em um novo dia
Ainda cego por toda escuridão da noite passada
Em que horizonte você está descansando?
Eu sei que não te perdi, meus olhos apenas não te veem
E eu esqueci de avisar a minha alma

E as palavras dela trouxeram você de volta para mim
Talvez de uma maneira diferente
Ou ela apenas deixou alguma parte de você caída no chão
Esquecida no escuro
Eu vou saber disso quando acordar amanhã
Talvez, se eu acordar amanhã.

1 comentários:

Mel Says:
6 de outubro de 2010 18:39

Adorei o blog!!!

Postar um comentário