Eu sou o não ser

| terça-feira, 15 de fevereiro de 2011 | |












Eu sou Humano
Com seus sentimentos e pensamentos
Eu sou um escritor que não escreve, um exagero não hiperbólico, um filósofo sem filosofias
Eu sou um bêbado que não se contenta com prazeres, mas se embriaga em venenos
Eu sou um Deus sem servos e um servo sem Deus
Eu sou aquele que nasceu para morrer e por isso vivo
Eu sou o que sou, mas nem por isso sei o que sou
Eu sou a compreensão não entendida e a sabedoria não sábia
Eu sou o que o silêncio grita e o que as palavras apagam
Eu sou a cor das linhas, o branco das páginas novas e o amarelo das antigas
Eu sou o que quero ser...
Eu sou, primeiramente, aquilo que não é
Porque quando eu vou ser o que sou, já não sou o que sou.

0 comentários:

Postar um comentário