Madrugada

| quarta-feira, 9 de novembro de 2011 | |

Hoje assisti as horas passarem com os pensamentos em você
Como acontecia nos meus mais esperançosos dias
Outra vez o sabor do seu nome se formou em minha boca
Sem ninguém para ouvi-lo, ele permaneceu sozinho por dentro
Suas iniciais foram desenhadas no canto de uma folha branca
E ao fechar os olhos, as páginas da minha mente mudavam sem pressa
Mostrando as congeladas imagens do seu rosto, minhas únicas lembranças
Eu pude sonhar que elas respiravam, que eram vivas como o meu amor
Que eu estava do seu lado ocupando o lugar do vazio ou de outra pessoa
Eu pude fingir que aqueles sorrisos, aquela luz no olhar, eram para mim
Com o coração cheio de promessas, senti-me inteiro novamente
Mas eu sei que esses suspiros são ilusórios, passageiros
Logo o despertar iluminará os pedaços que ainda sobrevivem
Já é tarde, as estrelas brilham mais do que qualquer falta
Porque o Sol já se pôs e você também.

1 comentários:

Anônimo Says:
22 de setembro de 2012 16:14

Me deu inspiração para uma fanfic! Haha =)

Beijos, não pare nunca.

Postar um comentário